Monday, December 1, 2008

Desenho

Enquanto faço o meu portfólio dou por conta de desenhos que já nem me lembrava que os tinha feito. Trata-se da continuação de umas composições que estava a fazer no ano passado. Uns dizem que estou simplesmente a tentar encaixar as figuras e que ficam demasiado gráficos, outros até gostam, eu cá continuo a desenhá-los sempre que me apeteça.



4 comments:

Pedro Almeida Design said...

Ficarem demasiado gráficos não significa que ficam melhores ou piores, ficam diferentes e pode fugir à essencia de um estilo. Mas confesso que o teu estilo não me parece fugir para o abastracto (a nivel de figuras), mas sim conferir ao que desenhas vida e um cariz próprio de leveza, parece-me que sem duvida as tuas composições são uma composição de figuras aparentemente atabalhoadas, mas que estão lá por um motivo, e não entendo porque dizem que tentas simplesmente "encaixar figuras", acho que por detrás desse "encaixe" existe um bom "encaixe" de cabeça!

Gráficos ou não, estão muito bons, podem fugir um pouco à "ilógica" em que os desenhas com espontaneidade, mas não deixam de ser bonitos, mais perfeitos, mais ilustrativos, mas bonitos ;)

Gostei ;)

Beijinho
Pedro

Pedro said...

É isso mesmo. O desenho vale a pena sempre que nos der gosto. Vale ainda mais a pena como (é este o caso) o resultado é muito bom.

CatarinaGarcia said...

Pedro Almeida, como a arte não tem concenso penso que seja uma questão de gosto. Fico contente por gostares deste trabalho em específico.
Isso de compôr as imagens, como já ando a fazê-lo há quase três anos, sinto que tem causado um sentido de composição muito melhor que antes de fazer estes "exercícios". Por isso, mesmo que não evolua mais tarde para este lado, já valeu o que aprendi ao fazê-lo (acho que transpus a matemática para a tela/papel a fazer estas coisas, já me deu esta percepção já que quando desenho só à vista sem o propósito de compôr figuras não penso da mesma forma) e agora, mesmo que não desenhe tanto a compôr figuras, quando faço um simples retrato penso mais em como encaixar elementos dum modo muito mais automatico.

CatarinaGarcia said...

Olá Pedro, desde já lhe digo que gosto imenso dos seus "bonecos de bolso" principalmente pela simplicidade da linha e pelo modo como conjuga tudo no papel.
E claro, se não for por gosto, para quê fazer?
obrigada por comentar.